Uma das batalhas mais horrendas da história da humanidade, senão a mais horrenda, deu-se numa região chamada Verdun.

Curiosamente Verdun é uma localidade gaulesa cujo nome latinizado era Verodunum “o grande forte”.

No início da Primeira Guerra Mundial era um dos símbolos da França, o último forte a render-se durante a Guerra Franco-Prussiana (40 anos antes) e o forte que subsistiu à invasão inicial Alemã em 1914 e permitiu às tropas francesas re-agruparem e defenderem Paris.

Devido ao cariz estático que a guerra tinha em 1916 o General Erich von Falkenhayn propôs-se a desenvolver um tipo de batalha que ele próprio chamou de “Picador de Carne”. O objetivo era atacar um símbolo francês de forma a provocar uma defesa francesa substancial degastando assim o inimigo e tirando-lhe força noutras partes da frente. O problema que Falkenhayn não ponderou foi que o mesmo poderia acontecer ao exército alemão…e aconteceu.

Os números são inacreditáveis, vejamos, nos primeiros 18 dias de bombardeamento Alemão, com o objetivo de não deixar nenhum dos 12 km de frente por bombardear, foram disparados 4.000.000 de projéteis de 1200 peças de artilharia, das quais 800 eram artilharia pesada ou super-pesada (normalmente movida por comboio). No total da batalha o exército alemão sozinho disparou entre 40.000.000 a 60.000.000 de projéteis.

Após o bombardeamento inicial alemão, um soldado francês terá dito que em cada cinco camaradas dois foram enterrados e estavam desaparecidos, dois estavam em choque para lá de recuperação e um estava à espera pela hora dele…

A batalha demorou de Fevereiro a Dezembro de 2016, com diversas escaladas de agressividade, provocando mais de 700.000 mil baixas entre os quais 300 mil mortos (os números são ligeiramente piores para o lado francês).

Foram também usados pela primeira vez nesta batalha lança chamas. Inicialmente tiveram muito sucesso, especialmente no ataque aos fortes franceses e para “limpar” a terra de ninguém. Com o estabilizar da batalha no entanto os lança-chamas tornaram-se suicidas, pois eram o alvo preferencial dos atiradores franceses que tornavam os soldados alemães que os carregavam, e os que os apoiavam, em tochas humanas.

Seguem em baixo cenas originais, a cores, da batalha de Verdun:

E um excelente documentário em duas partes sobre esta batalha:

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s