A Primeira Guerra Mundial foi sem dúvida a primeira guerra moderna da história da humanidade, embora na sua maioria com táticas bastante antiquadas.

O carácter estático da guerra das trincheiras promoveu vários avanços tecnológicos com vista a terminar o empasse. Todavia, longe de quebrar empasses estes avanços só trouxeram mais carnificina ao campo de batalha. Foram as primeiras armas de destruição em massa.

Na imagem em destaque está a cratera de Lochanagar no Somme como pode ser vista nos dias de hoje. A cratera provém de uma explosão gigante há mais de 100 anos. Soldados ingleses especialistas na escavação de minas fizeram túneis por de baixo das linhas do inimigo e encheram-nas com um número exorbitante de explosivos. O objetivo era destruir a linha defensiva inimiga.
Em baixo um link com um documentário do canal de História sobre este ataque:

 

Outra arma desenhada para dominar o campo de batalha é bem mais conhecida, o gás. Embora o primeiro ataque tenha de ser atribuído ao exército francês, que usou gás lacrimogéneo, a primeira utilização séria num campo de batalha foi em Ypres pelas forças alemães e apanhou os soldados franceses desprevinidos. Foi o início da utilização duma das mais terríveis armas inventadas pelo homem.

Em baixo segue um episódio especial sobre os ataques com gás venenoso do projeto de Indy Neidell “The Great War”.

 

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s